segunda-feira, 22 de junho de 2015

Durante três dias, segui o desgraçado que roubou minha mulher, esperando a hora certa de tirar sua medíocre vida. Quando o momento chegou, finalmente pude olhar diretamente nos olhos daquele que manchou minha honra. Fazendo-se de corajoso, mostrou-me sua arma, como se eu tivesse medo de um carinha magro e fraco como esse! Gritou que não me conhecia o abusado, "Conhece Inocência?!", perguntei. Foi quando ele reparou quem eu era. Meti duas balas de minha garrucha em seu peito, mas ele se negava a calar a boca, concedeu-me seu perdão, dizendo que desejava morrer como cristão. Ele faz tudo isso, mancha a honra de minha mulher e ainda diz que quer ser cristão, cabra atrevido! #mereciamorrer 


Um comentário:

  1. Até que enfim esse caboclo vai parar de me dar trabalho!

    ResponderExcluir